O que fazemos
Belo Horizonte/MG
Salvador/BA
Juazeiro/BA
Sto Amaro-São Paulo/SP
Centro Vocacional Oblata
Acompanhamento Vocacional
Depoimentos
Divulgação
Países
Sobre Padre Serra
Abertura do Bicentenário
No Brasil
Artigos
Pesquisas
VII Encontro -2009
VIII Encontro - 2010
IX Encontro - 2011
Tráfico de Pesssoas
Encontro da Rede
Unidades Oblatas
Capítulo Provincial
Seminário
Comunicação
Encontro da Rede Oblata
Projetos Mundo
Projetos Brasil
Diga NÃO à violência contra Mulher
Capacitação
Outros
Comunidades
Comemorações
Cirandas Parceiras
Projetos Oblatas
Compartilhai
Jornal da Rede Pastoral Oblata
Pastoral da Mulher de Belo Horizonte - MG
Pastoral da Mulher de Juazeiro - BA
Economia Solidária
Tráfico de Seres Humanos
Prostituição
Violência Contra a Mulher
Jornal da Rede
Comunidade
Celebrações
Cursos
Oficinas
Sensibilização
Igreja do Brasil
Cidadania
Direitos Humanos
Gênero
Projetos Pastorais
Cultura
Igualdade

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Irmãs Oblatas participam do programa “Bem-vindo Romeiro” na TV Aparecida

As Irmãs Sirley Silva e Luiza Pralon participaram do programa.

Abrindo a 46ª Semana Vocacional, no programa “Bem-Vindo Romeiro”, da Rede de TV Aparecida, as Irmãs Oblatas Sirley Silva e Luiza Pralon participaram do programa falando da Congregação das Irmãs Oblatas do Santíssimo Redentor, da Proposta Vocacional e da missão desenvolvida nas Unidades Oblatas distribuídas no Brasil.

“Somos chamadas a levar humanização nestes espaços, que também são espaços de violência, onde as mulheres são agredidas. Não levamos a Presença de Deus, por que Deus já está presente. É humanizar as mulheres que está na prostituição para que ela tenha mais vida”, disse Ir Sirley, ao ser perguntada sobre a Missão Oblata.

Falando ainda o trabalho da Congregação, na aproximação com as mulheres. “Chegamos até elas de maneira muito simples. Como nós, Redentoristas, temos esse carisma de estar mais junto ao povo temos a facilidade de chegar aos campos onde as mulheres se prostituiem, incluindo hotéis, privês e praças. E por conta disso é que as Oblatas não usam hábito. A opção da Congregação é trabalhar com as mulheres que estão na prostituição por que não têm um outro meio de sobrevivência. São as mais pobres! São as que vivem situação de fome, doença e aquele programa é que vai garantir e suprir a necessidade da casa.”, comentou Ir Sirley.

Sobre o contato com as mulheres, Ir Luiza Pralon acrescentou que “no Brasil temos alguns locais que servem de referência para as mulheres. E vamos até elas com o intuito de ser presença acolhedora nos locais onde elas trabalham e as convidamos para irem os nossos centros de referência, onde temos espaços de acolhida, encaminhamentos psicológicos, na área social, médicos e/ou jurídicos...”

Voltando ao tema vocacional, Ir. Luiza destacou que “as jovens interessadas a entrar para a Congregação fazem o primeiro contato com a Ir. Sirley e posteriormente participam de Encontros Vocacionais, onde essas jovens irão aprofundando esse chamado de Deus em sua vida e depois responder se querem continuar seguindo os passos dentro da Congregação ou construir uma família. É chamada a fazer esse processo”.

Com o tema “Vocação, um chamado para servir” a 46ª Semana Vocacional, que acontece de 16 a 23 de agosto, conta com a participação dos missionários redentoristas e de diversas congregações que contribuem para essa semana de formação e promoção das vocações, inclusive das Irmãs Oblatas do Santíssimo Redentor.

Assista a entrevista completa acessando https://www.youtube.com/watch?t=240&v=mTyFw7bpfeQ e para mais informações sobre a Missão Oblata acesse www.oblatas.org.br

 


Fonte: AssCom

Voltar 


dezembro 2017
 DSTQQSS
S     12
S3456789
S10111213141516
S17181920212223
S24252627282930
S31      









 

Busca:
 

Na sua opinião, por que as mulheres estão curtindo sexo anal?

 
 

 


Home . Apresentação . Histórico . Mística . Missão . Cadastre-se . Localização . Links . Trabalhe Conosco . Contato
Copyright 2006 – Instituto das Irmãs Oblatas do SSmo Redentor - Todos os Direitos Reservados
fale conosco: info@oblatas.org.br Tel: 11 2673-9069