O que fazemos
Belo Horizonte/MG
Salvador/BA
Juazeiro/BA
Sto Amaro-São Paulo/SP
Centro Vocacional Oblata
Acompanhamento Vocacional
Depoimentos
Divulgação
Países
Sobre Padre Serra
Abertura do Bicentenário
No Brasil
Artigos
Pesquisas
VII Encontro -2009
VIII Encontro - 2010
IX Encontro - 2011
Tráfico de Pesssoas
Encontro da Rede
Unidades Oblatas
Capítulo Provincial
Seminário
Comunicação
Encontro da Rede Oblata
Projetos Mundo
Projetos Brasil
Diga NÃO à violência contra Mulher
Capacitação
Outros
Comunidades
Comemorações
Cirandas Parceiras
Projetos Oblatas
Compartilhai
Jornal da Rede Pastoral Oblata
Pastoral da Mulher de Belo Horizonte - MG
Pastoral da Mulher de Juazeiro - BA
Economia Solidária
Tráfico de Seres Humanos
Prostituição
Violência Contra a Mulher
Jornal da Rede
Comunidade
Celebrações
Cursos
Oficinas
Sensibilização
Igreja do Brasil
Cidadania
Direitos Humanos
Gênero
Projetos Pastorais
Cultura
Igualdade

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Integrante da Pastoral da Mulher de BH é convidada para falar na Faculdade de Educação da UFMG

Lucinete Santos, educadora Social da Pastoral, falou para os alunos e professora.

Na manhã do dia 13 de maio, a Educadora Social Lucinete Santos, compareceu na disciplina Fundamentos Téorico-Metodológico da Educação Popular (Curso de Pedagogia) da FAE na UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais.

Convidada pela Professora Maria Amália de A. Cunha, Lucinete Santos falou sobre a Missão Oblata e o trabalho da Pastoral da Mulher de BH (perfil das mulheres que exercem a prostituição no Hiper Centro de BH, Pedagogia utilizada para o desenvolvimento do Trabalho e desafios encontrados).

O objetivo da palestra foi partilhar as experiências do trabalho com a mulher, enfocando a pedagogia utilizada para o trabalho e a experiência da Profissional como Educadora Social.

A presença na faculdade responde ao objetivo da Pastoral de sensibilização social das problemáticas da Mulher que se encontra em contexto de Prostituição. Para Lucinete Santos, “foi uma experiência muito produtiva com participação ativa dos/as alunos/as e da professora”.

Fonte: Pastoral da Mulher de Belo Horizonte

Voltar 


outubro 2017
 DSTQQSS
S1234567
S891011121314
S15161718192021
S22232425262728
S293031    









 

Busca:
 

Na sua opinião, por que as mulheres estão curtindo sexo anal?

 
 

 


Home . Apresentação . Histórico . Mística . Missão . Cadastre-se . Localização . Links . Trabalhe Conosco . Contato
Copyright 2006 – Instituto das Irmãs Oblatas do SSmo Redentor - Todos os Direitos Reservados
fale conosco: info@oblatas.org.br Tel: 11 2673-9069